O Despertar

 

28 de Janeiro de 2018.


Em um mundo tomado pelas aparências exteriores, os indivíduos pouco buscam conhecer o seu íntimo. Cada vez mais emergidos na escuridão da ignorância e divididos pelo ego, a sociedade segue em desequilíbrio, sem a compreensão da essência sutil de todos os seres.

Ao ter uma consciência holística, percebemos que a nossa vibração sensibiliza o nosso espírito, e fica cada vez mais claro que a nossa verdadeira identidade está ligada à energia primordial.

O despertar para o nosso lado espiritual, é um movimento interno no qual é preciso estar disposto a encarar nossos padrões mentais e psicológicos. Dentro de nossa própria consciência podemos criar luz e acordar para a verdade. Morrer para as ilusões da dualidade é o começo desta busca. 

O desconhecido contém em si o mistério que ousamos conhecer pela intuição que, quando desenvolvida, nos emana o conhecimento direto da alma. 

Através da disciplina dos sentidos, da auto-observação constante dos nossos processos internos e a prática de trazer mais presença em todas as nossas atividades, nos capacitamos constantemente no trabalho interno.

À medida que expandimos a nossa energia pessoal e entramos em conexão com a Consciência Cósmica, podemos compreender mais profundamente que somos realmente essência em busca da auto realização.

 

 

‘Desprovido de atração pelo mundo sensório, o iogue experimenta a alegria sempre-nova inerente ao Eu. Envolvido na união divina da alma com o Espírito, ele alcança a bem-aventurança indestrutível.‘ - Bhagavad Gita V:21. 


This entry was posted in Blog On .